quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

Contraste sutil

Em frente ao estabelecimento de uma das maiores redes de supermercado da capital, uma outra realidade é sufocada pelo barro, pelo lixo e pela falta de cuidado. Um pequeno universo também conhecido por “Cachorro Sentado”.

Com um cigarro entre os dedos, o presidente da Associação de Moradores, conta que as reclamações da vizinhança vão além da falta de asfalto, das precárias instalações de luz e água encanada, da lista de espera para entrada de crianças na creche Nossa Senhora Aparecida e do posto de saúde que funciona apenas de terça à sexta feira pela tarde. Nos outros dias, não se fica doente.

O maior problema da vila são as drogas, o tráfico, o contrabando. Sofre quem tenta se livrar das mazelas que assolam a região. “Tem baile todo sábado e domingo à noite”, reclama uma moradora. Antes fosse só isso. Meninos que rondam o local e que dormem nos portões por não ter onde ficar aumentam a insegurança dos habitantes, pois, ao invés de inocentes, são os principais responsáveis pela máfia.
E as autoridades? Se não há gente nem para restaurar as casas, quem dirá tomar as rédeas de uma comunidade inteira.

Residências que parecem despencar contrastam com as poucas edificações de tijolo e material. Na morada do presidente, um cheiro de lingüiça ocupa a extensão da sala-cozinha. Na parede, um mapa mundi, um relógio, um retrato de Jesus. O dono da casa pode ter a divisória carregada, pois ela é firme e não corre o risco de cair. Mas o mesmo não acontece com 70% das 277 famílias residentes, em virtude da precariedade e da falta de atenção.

A Cachorro Sentado não é a única. Mas como preferem as autoridades, vamos olhar para o supermercado que, convenhamos, é bem mais arrumado. Pelo menos, enche os olhos com esplendorosa arquitetura.

2 comentários:

Luana Fuentefria disse...

Aninha e seus textos JáQ jornalísticos. hehe

Parece sempre banal falar desses assuntos, mas tem se tornado cada dia mais importante...

Carolina Tavaniello disse...

texto do Leonam!! ;)

beijooo